Antes e Depois de Ilustrações Pin-Up do Artista Gil Elvgren

Você já se perguntou sobre como as famosas ilustrações pin-up eram feitas e por que faziam tanto sucesso nas paredes dos quarteis de soldados nas décadas de 1940 e 1950?





Se você está familiarizado com o o termo "pin-up", com certeza já deve ter ouvido falar de Gil Elvgren. Em uma coleção de diversas fotos, você poderá ver abaixo fantásticas fotos no estilo cheesecake, que mostram mulheres curvilíneas da década de 1950 revelando suas meias - e às vezes um pouco mais - em uma série de situações inusitadas e caricatas, assim como estilo pin-up é.





Em uma época que ainda não existia edição digital de fotos, era através da pintura que eram feitos materiais publicitários, como revelam essas ilustrações.





Quem é Gil Elvgren


Auto-retrato de Gil Elvgren

Gillette Elvgren (15 de março de 1914 - 29 de fevereiro de 1980) foi um pintor americano de garotas pin-up, publicidade e ilustração. Ele morou em vários locais e atuou de 1930 a 1970. Em 1951, ele começou a pintar em um estúdio em sua casa e, em seguida, em Winnetka, Illinois, usando um assistente para configurar a iluminação, construir objetos e cenas, fotografar cenários e preparar suas pinturas.



Em 1937, Gil começou a pintar pin-ups de calendários para a Louis F. Dow, uma das principais editoras americanas, durante a qual criou cerca de 60 trabalhos em tela de 28 ″ × 22 ″. Muitas de suas pin-ups foram reproduzidas como nose art em aviões militares durante a Segunda Guerra Mundial. Por volta de 1944, Gil foi abordado por Brown e Bigelow, uma empresa que ainda domina o campo na produção de calendários e especialidades publicitárias.


Seus clientes variavam de Brown e Bigelow e Coca-Cola até a General Electric e a Sealy Mattress Company. Além disso, durante as décadas de 1940 e 1950, ele ilustrou histórias para uma série de revistas, como The Saturday Evening Post e Good Housekeeping. Entre os modelos pintados Elvgren estavam Myrna Hansen, Donna Reed, Barbara Hale, Arlene Dahl, Lola Albright e Kim Novak. Elvgren foi considerado um sucesso comercial.



0 visualização